Literatura filosofia humor poesia



sexta-feira, 29 de maio de 2009

Temps modernes, temps romantiques

Up on a hill is where we begin
This little story a long time ago
Stop to pretend, stop pretending
It seems this game is simply never-ending
Oh, in the sun, sun having fun...

The Strokes - The Modern Age


Day after day,
Alone on a hill,
The man with the foolish grin is keeping perfectly still
But nobody wants to know him,
They can see that he's just a fool
And he never gives an answer,

But the fool on the hill
Sees the sun going down,
And the eyes in his head
See the world spinning 'round.

Well on his way,
Head in a cloud,
The man with a thousand voices talking perfectly loud
But nobody ever hear him
or the sound he appears to make
and he never seems to notice,

And nobody seems to like him,
they can tell what he wants to do,
and he never shows his feelings...

The Beatles - The Fool on the Hill


And maybe I'm a fool for walking in line
Love is just a lie - it happens all the time...

The Magic Numbers - Love's a Game


I never loved nobody fooly...
Regina Spektor - Fidelity


Olha a luz que brilha de manhã
Saiba quanto tempo estive aqui
Esperando pra te ver sorrir
Pra poder seguir

Lembre que hoje vai ter pôr-do-sol
Esqueça o que falei sobre sair
Corra muito além da escuridão
E corra, corra!

Não desista de quem desistiu
Do amor que move tudo aqui
Jogue bola, cante uma canção
Aperte a minha mão

Quebre o pé, descubra um ideal
Saiba que é preciso amar você
Não esqueça que estarei aqui
E corra, corra!

Azul, vermelho
Pelo espelho
A vida vai passar
E o tempo está no pensamento...

Cidadão Quem - O Amanhã Colorido

--------------------
Primeira imagem: Autoria desconhecida.
Segunda imagem: Sami Mattar - Buffoon Happiness.
Terceira imagem: Maraldo - Walking in line.
Última imagem: Cindy_rs - Por do Sol em Porto Alegre.

Nenhum comentário:

Receba atualizações por e-mail (vá, não são mais de 2 posts por mês)